Grammy Awards 2019: Veja Lista dos vencedores!

Lady Gaga, Kacey Musgraves, ChildishGambino,Dua Lipa e outros nomes vencedores da 61ª edição do Grammy Awards.

Durante a noite do últimodomingo (10), ocorreu em Staples Center em Los Angeles, Estados Unidos, a premiação mais importante do mundo da música. O Grammy Awards 2019, premiou os melhores trabalhos da indústria fonográfica, incluindo ritmos variados como hip hop, pop, country, ritmos latinos e muitos outros.

Ao longo de mais de duas horas sob o comando da cantora premiada, Alicia Keys, a premiação contou com várias performances ao vivo e homenageou grandes figuras como Dolly Parton e Diana Ross.

Veja lista completa dos vencedores do Grammy 2019:

Álbum do ano

GOLDEN HOUR“, de Kacey Musgraves.

Canção do ano

THIS IS AMERICA“, de Childish Gambino.

Melhor música de rap

GOD’S PLAN“, de Drake.

Melhor álbum de R & B

H.E.R“, de HER.

Melhor novo artista

Dua Lipa.

Melhor álbum country

GOLDEN HOUR” de Kacey Musgraves.

Melhor duo de performance pop / grupo

SHALLOW“, de Lady Gaga e Bradley Cooper.

Melhor álbum de comédia

EQUANIMITY & THE BIRD REVELATION“, de Dave Chappelle.

Melhor disco de teatro musical

THE BAND’S VISIT“, de Etai Benson, Adam Kantor, Katrina Lenk e Ari’el Stachel.

Melhor álbum de música alternativa

COLORS“, de Beck.

Melhor composição instrumental

BLUT UND BODEN” (“BLOOD AND SOIL”), de Terence Blanchard.

Melhor arranjo instrumental ou cappella

STARS AND STRIPES FOREVER“, de John Daversa.

Melhor arranjo, instrumentação e vocais

SPIDERMAN THEME“, de Mark Kibble, Randy Waldman e Justin Wilson.

Melhor Design de Encarte

MASSEDUCTION“, por Willo Perron.

Melhor apresentação de embalagem ou edição especial limitada

SQUEEZE BOX: AS OBRAS COMPLETAS DE” ESTRANGEIROS PARA “YANKOVIC“, por Meghan Foley, Annie Stoll e Al Yankovic.

Melhor apresentação de embalagem ou edição especial limitada

“Voicesof Mississippi: Artists and Musicians Documented by William Ferris”.

Melhor álbum histórico

“Voices of Mississippi: Artists and Musicians Documented by William Ferris”.

Melhor engenharia de um álbum não-clássico

COLORS“, de Beck.

Melhor gravação remixada

WALKING AWAY (Haim)”, de Alex Crossan.

Melhor álbum de som envolvente

EYE IN THE SKY – 35 ª ANNIVERSARY EDITION“, de Alan Parsons.

Melhor álbum instrumental contemporâneo

STEVE GADD BAND“, de Steve Gadd Band.

Melhor álbum gospel

Hiding Place“,de Tori Kelly.

Melhor performance de música cristã

YOU SAY“, por Lauren Daigle.

Melhor performance gospel/ música

Never Alone” por Tori Kelly.

Melhor álbum de música cristã contemporânea

LOOK UP CHILD“, de Lauren Daigle.

Melhor álbum de música gospel roots

UNEXPECTED” de Jason Crabb.

Melhor álbum de música mundial

FREEDOM“, de Soweto Gospel Choir.

Melhor compilação para uma trilha sonora

THE GREATEST SHOWMAN“, de Hugh Jackman e vários outros artistas.

Melhor banda sonora para o meio audiovisual

BLACK PANTHER“, de Ludwig Göransson.

Melhor composição para o meio audiovisual

SHALLOW“, de Lady Gaga, Mark Ronson, Anthony Rossomando e Andrew Wyatt.

Melhor álbum New Age

OPIUM MOON“, de Opium Moon.

Melhor performance de American Roots

THE JOKE“, de Brandi Carlile.

Melhor música de American Roots

THE JOKE“, de Brandi Carlile.

Melhor álbum de bluegrass

THE TRAVELIN ‘MCCOURYS”, de The Travelin’ McCourys.

Melhor álbum de blues tradicional

THE BLUES IS ALIVE AND WELL“, de Buddy Guy.

Melhor álbum de blues contemporâneo

PLEASE DON´T BE DEAD“, de Fantastic Negrito.

Melhor álbum de folk

ALL ASHORE“, dos Punch Brothers.

Melhor álbum para crianças

ALL THE SOUNDS“, de Lucy Kalantari & The Jazz Cats

Melhor álbum de Palavra Falada

FAITH – A JOURNEY FOR ALL“, de Jimmy Carter.

Melhor álbum pop latino

SINCERA“, de Claudia Brant.

Melhor álbum de rock latino

AZTLÁN“, de Zoé.

Melhor álbum regional de música mexicana

“¡MÉXICO POR SIEMPRE!”, de Luis Miguel.

Melhor álbum tropical latino

ANNIVERSARY“, da Spanish Harlem Orchestra.

Melhor álbum regional de raízes

NO ‘ANE’I“, de Kalani Pe’a.

Melhor videoclipe

THIS IS AMERICA“, de Childish Gambino.

Melhor filme musical

QUINCY“, de Alan Hicks e Rashida Jones.

Melhor performance country solo

BUTTERFLIES“, por Kacey Musgraves.

Melhor performance duo country

TEQUILA”, de Dan + Shay.

Melhor música country

SPACE COWBOY“, de Luke Laird, Shane McAnally e Kacey Musgraves.

Melhor performance solo de pop

JOANNE (Where Do You Think You’re Goin’)”, de Lady Gaga.

Melhor álbum vocal pop tradicional

MY WAY“, de Willie Nelson

Melhor engenharia de álbum- clássico

SHOSTAKOVICH: Symphonies Nos 4 & . 11“, de Shawn Murphy e Nick Squire

Melhor produtor do ano – clássico

Blanton Alspaugh

Melhor desempenho orquestral

SHOSTAKOVICH: Symphonies Nos . 4 & 11”, por Andris Nelsons.

Melhor gravação de ópera

BATES: THE (R)EVOLUTION OF STEVE JOBS“.

Melhor performance solo clássico

KERNIS: VIOLIN CONCERTO“, de James Ehnes; Ludovic Morlot.

Melhor performance de coral

“MCLOSKEY: ZEALOT CANTICLES”, de Doris Hall-Gulati, Rebecca Harris, Arlen Hlusko, Lorenzo Raval & Mandy Wolman; The Crossing.

Melhor interpretação de conjunto pequeno

“ANDERSON, LAURIE: LANDFALL“, deLaurie Anderson & Kronos Quartet.

Melhor ábum de solo vocal clássico

SONGSOF ORPHEUS:MONTEVERDI, CACCINI, D’INDIA& LANDI”, de Karim Sulayman.

Melhor compêndio de música clássica

FUCHS: PIANO CONCERTO ‘SPIRITUALIST’; de PE OF LIFE; GLACIER; RUSH.

Melhor composição contemporânea de música clássica

KERNIS: VIOLIN CONCERTO“, de James Ehnes; Ludovic Morlot.

Melhor gravação dance

ELECTRICITY” , de Dua Lipa e Silk City.

Melhor álbum dance / eletrônico

WOMAN WORLDWIDE“, de Justice.

Melhor álbum de reggae

44/876“, de Sting & Shaggy.

Melhor improvisado solo de jazz

DON ‘ T FENCE ME IN “,de John Daversa.

EMANON” de The Wayne Shorter Quartet.

Melhor álbum de jazz

AMERICAN DREAMERS” de John Daversa Big Band e outros artistas.

Melhor álbum de jazz latino

“BACK TO THE SUNSET“, de Dafnis Prieto Big Band.

Melhor desempenho R & B

BEST PART “, por Daniel Caesar e H.E.R.

Melhor canção de R & B

Boo’d UP“, de Larrance Dopson, Joelle James, Ella Mai & Dijon McFarlane.

Melhor Performance rock

WHEN BAD DOES GOOD“, de Chris Cornell.

Melhor desempenho de heavy metal

ELETRIC MESSIAH“, de High on Fire.

Melhor canção de rock

MASSEDUCTION“, de Jack Antonoff & St. Vincent.

Melhor desempenho rap

King’s Dead“, por Kendrick Lamar, Jay Rock, Future& James Blake.

Melhor performance rap

THIS IS AMERICA“, de Childish Gambino.

Melhor álbum de rap

INVASION OF PRIVACY”, Cardi B.

Melhor produtor do ano, não clássico

Pharrell Williams.

Comentário Fechado.